09.09.2018  /  9:00

Conheça as piscinas mais fascinantes ao redor do mundo para dar um mergulho já

Se você está em busca de algo diferente e refrescante para as próximas férias, Glamurama tem a lista certa: as piscinas mais incríveis ao redor do mundo. Algumas piscinas são tão pitorescas que acabam se tornando as principais atrações de hotéis e resorts ao redor do mundo. Nesta lista, um mergulho em terraços de Bali, em águas vermelho-sangue na Turquia e até uma “pool” gigante de 914 metros na costa chilena. Então vista seu maiô e nade na nossa seleção!

Hanging Gardens Ubud Hotel, Bali, Indonésia

Hanging Gardens Ubud Hotel, Bali, Indonésia || Créditos: Divulgação

No Hanging Gardens Ubud Hotel, em Bali, os hóspedes têm duas opções exóticas: vista para o vale da piscina mais alta, ou entrar no meio da mata na piscina inferior, entre os jardins do terraço. De qualquer forma, uma experiência inesquecível.

The St. Regis Resort, Lhasa, China

The St. Regis Resort, Lhasa, China || Créditos: Divulgação

No topo de uma colina com vista incrível do Tibet e poucos minutos de locais considerados Patrimônio Mundial da UNESCO, o St. Regis Lhasa Resort é um dos retiros mais incríveis do mundo. Cercado pelo imponente Himalaia, o hotel tem uma piscina descrita como “a mais badalada do mundo” pelo “Daily Mail” – por ser banhada a ouro. Chiqueria!

The Golden Nugget, Las Vegas, Estados Unidos

The Golden Nugget, Las Vegas, Estados Unidos || Créditos: Divulgação

A piscina do cassino Golden Nugget pode levar todas as honras como a mais assustadora de todas. Por lá a sensação é de nadar com tubarões, mas sem estar ao lado deles. Isso porque o lugar engloba um aquário gigante que custou quase US$ 30 milhões.

San Alfonso del Mar, Algarrobo, Chile

San Alfonso del Mar, Algarrobo, Chile || Créditos: Divulgação

A maior piscina do mundo tem mais de 914 metros de comprimento e 35m de profundidade. À beira-mar em um resort no Chile, levou quase cinco anos para ser construída e custou US$ 1,6 bilhão. Tem uma taxa de manutenção anual de US$ 3,2 milhões, contendo mais de 66 milhões de galões de água. A piscina mantém uma reciclagem constante de água do mar fresca e água velha de volta para o mar, por meio de um sistema de filtragem para dessalinizar antes de entrar e limpar antes de devolver para o oceano.

Piscina Neptune do Hearst Castle, Califórnia, Estados Unidos

Piscina Neptune do Hearst Castle, Califórnia, Estados Unidos || Créditos: Divulgação

Construído entre nos anos 1920 e 1930, o Neptune Pool no Hearst Castle, é um testemunha da opulência e da arquitetura clássica. A piscina emoldurada por telhas de mármore e serpentinas, é composta por elementos arquitetônicos romanos modernos e antigos, esculturas em estilo barroco e art déco, e corrimãos de mármore. A versão atual da piscina tem 3,5 metros de profundidade no lado oeste, 10 metros nos drenos e detém 345 mil litros de água. Outros aspectos notáveis da Neptune Pool incluem sistema de aquecimento a óleo, mármore de Vermont revestindo a bacia, calhas e alcovas, e quatro esculturas em relevo italianas.

Blue Lagoon Geothermal Spa, Grindavík, Islândia

Blue Lagoon Geothermal Spa, Grindavík, Islândia || Créditos: Divulgação

Blue Lagoon é um dos pontos mais famosos de uma ilha conhecida por suas características geotérmicas. A piscina é alimentada por água superaquecida que sai do solo perto de um fluxo de lava, e renovada a cada dois dias por uma usina geotérmica próxima por meio de uma combinação de filtragem natural e artificial. A água é aquecida naturalmente sob a superfície da Terra e absorve minerais. A temperatura da água fica em torno de 37º, é rica em minerais como sílica e enxofre.

Palácio Umaid Bhawan, Jodhpur, Índia

Palácio Umaid Bhawan, Jodhpur, Índia || Créditos: Divulgação

Quando o palácio Umaid Bhawan do norte da Índia foi concluído, em 1943, foi considerada a maior residência privada do mundo, com 347 quartos. Mais tarde, parte do palácio foi transformado em um luxuoso hotel em que os hóspedes podem viver como a realeza. O palácio oferece acesso à piscina do Zodíaco, construção subterrânea, alojada nas profundezas do palácio, coberta de azulejos dourados com os doze signos pintados no fundo.

SkyPark na Marina Bay Sands, Singapura

SkyPark na Marina Bay Sands, Singapura || Créditos: Divulgação

Um dos points mais concorridos do SkyPark de Singapura no Marina Bay Sands é a piscina de borda infinita com vista de primeira classe – 55 andares acima. Represada sobre as três torres do hotel mais caro do mundo, a água flui sem problemas da borda para uma bacia e de volta para a piscina que abrange os três prédios e é mais comprida do que a Torre Eiffel.

Nemo 33, Bruxelas, Bélgica

Nemo 33, Bruxelas, Bélgica || Créditos: Divulgação

O Nemo 33 é a piscina interna mais funda do mundo, com 32 metros de profundidade. Usando água de nascente altamente filtrada a 35º, a piscina é usada para instrução de mergulho, uso recreativo e produção de filmes. Os mergulhadores podem explorar o sistema de cavernas submersas e, como a Nemo 33 mantém uma temperatura constante, eles nem precisam de roupas de mergulho.

A piscina vermelha, The Library Resort, Thailand

A piscina vermelha, The Library Resort, Thailand || Créditos: Divulgação

O resort Library, na famosa praia de Koh Samui, na Tailândia, está cheio de cenários dramáticos, entre eles a piscina vermelho-sangue. O efeito vem da combinação de azulejos vermelhos, amarelos e laranjas que foram usados em sua construção.

Piscina Sagrada, Turquia 

Piscina Sagrada, Turquia || Créditos: Divulgação

Esta era a piscina sagrada no spa de saúde romano de Hierápolis. Ela fica ao lado da cidade de Pamukkale, na Turquia, e é repleta de colunas e outras ruínas da antiga cidade romana, de onde vem um influxo natural de água carregada de cálcio.

Badeschiff, Berlim, Alemanha 

Badeschiff, Berlim, Alemanha || Créditos: Divulgação

Badeschiff em alemão significa “navio de banho”, que na verdade é um contêiner. O Badeschiff foi inaugurado em 2004 para dar aos cidadãos de Berlim um lugar para natação no Rio Spree, que é poluído demais para um mergulho. A piscina pública fica aberta até a meia-noite. Quando o sol se põe, uma cobertura é aberta sobre a água para manter os nadadores noturnos aquecidos.

Sanctuary Swala, Tangarire, Tanzânia

Sanctuary Swala, Tangarire, Tanzânia || Créditos: Divulgação

A incrível piscina do Santuário Swala, na Tanzânia, permite que você se refresque ao lado de animais selvagens, como elefantes e antílopes kudu raros em plena vibrante paisagem africana, enquanto toma seus “bons drinks”.