30.10.2018  /  11:31

Colar de R$ 42,3 mil usado por Meghan Markle na Nova Zelândia tinha “mensagem secreta”

Meghan Markle || Créditos: Getty Images

Uma joia usada por Meghan Markle nesta segunda-feira durante um evento oficial que rolou em Wellington, a capital da Nova Zelândia, continha uma “mensagem secreta” para alguns dos locais. Em visita oficial ao país insular da Oceania junto com o marido, o príncipe Harry, a duquesa de Sussex exibiu no pescoço um colar da designer de joias Jessica McCormack, que é neozelandesa e costuma abordar temas relativos às populações indígenas de lá em suas peças.

No caso daquela escolhida pela ex-atriz, que custa em torno de US$ 11,4 mil (R$ 42,3 mil), trata-se de um colar feito com ouro branco e amarelo de 18 quilates que é parte de uma coleção lançada por McCormack recentemente para homenagear uma tradição dos maoris, como são conhecidos os nativos neozelandeses, de escolher formas espirais para se tatuar.

Por questões variadas que envolvem colonizados e seus colonizadores, os Windsors evitam usar roupas, joias e afins comuns nas culturas de outros povos, que não os britânicos, sempre que viajam para fora do Reino Unido, já que a linha que separa uma homenagem de um possível faux pas do caso deles é muito tênue. Mas Meghan, que resolveu se arriscar, mostrou que está do lado das minorias da Nova Zelândia e fez o maior sucesso em razão disso. (Por Anderson Antunes)

O colar desenhado por Jessica McCormack || Créditos: Reprodução