17.09.2018  /  12:38

Coca-Cola negocia lançamento de linha de bebidas à base de maconha. Entenda!

A empresa confirmou o interesse no mercado da maconha legalizada || Créditos: Getty Images

De olho no multibilionário mercado da maconha legalizada nos Estados Unidos, a The Coca-Cola Company mantém conversas avançadas com a empresa canadense Aurora Cannabis sobre a possibilidade de lançar uma linha de bebidas tendo a erva como ingrediente principal. A ideia das duas gigantes é criar algo com uma pegada mais saudável, para surfar na onda da maconha medicinal, com produtos feitos sob medida para quem sofre de dores relativas à prática de atividades físicas e algo mais.

“Ainda não chegamos a nenhuma decisão, mas assim como vários outros membros da indústria de bebidas estamos prestando muita atenção no uso cada vez maior de canabidiol em nosso meio”, afirmou a empresa em um comunicado emitido nesta segunda-feira no qual confirmou as negociações. Listada na Bolsa de Valores de Toronto, a ação da Aurora Cannabis opera em forte alta de mais de 5% nesta segunda-feira, dando continuidade a uma tendência sobre a qual falamos no último sábado.

Caso a parceria entre a The Coca-Cola Company e a Aurora Cannabis vingue, esta não será a primeira do gênero. No começo do ano, a americana Molson Coors anunciou que vai produzir drinks enlatados à base de maconha em sociedade com a Hydropothecary Corp. Já a Constellation Brands, que é dona da cerveja Corona, investiu no mês
passado US$ 4 bilhões (R$ 16,6 bilhões) na produtora de maconha Canopy Growth. (Por Anderson Antunes)