Trump e o resort Mar-a-Lago

Trump e o resort Mar-a-Lago || Créditos: Getty Images

Clube privado de Trump na Flórida dobra o preço de taxa para novos sócios

27.01.2017  /  16:16

Trump e o resort Mar-a-Lago || Créditos: Getty Images
Trump e o resort Mar-a-Lago || Créditos: Getty Images

Os interessados em se tornarem membros do resort de Donald Trump na Flórida, o Mar-a-Lago Club, foram surpreendidos nos últimos dias com o aumento da taxa de adesão cobrada pelo estabelecimento para novos sócios: US$ 200 mil (R$ 630 mil), ou o dobro do valor que vigorava há anos. Além disso, os sócios ativos do resort também precisam pagar cerca de US$ 14 mil (R$ 44,1 mil) anuais em taxas.

Mar-a-Lago foi construído nos anos 1920 a pedido da socialite Marjorie Merriweather Post, que foi a mulher mais rica dos Estados Unidos na época, e comprado por Trump em 1985. Transformado em hotel e clube privado por ele, que também mantém uma residência por lá, o resort já foi apelidado pelo bilionário de “Casa Branca de Inverno” e se tornou point cobiçado por vários ricaços americanos desde que ele venceu a disputa pela Casa Branca, em novembro. (Por Anderson Antunes)