21.08.2013  /  19:33

CEO do Grupo LVMH transfere bilhões de dólares para Suíça e evita impostos

O bilionário francês Bernard Arnault, que no ano passado solicitou a cidadania belga para fugir dos altos impostos cobrados na França, transferiu US$ 2,78 bilhões de suas contas francesas para a Bélgica no ano passado. As informações são do jornal belga “De Tijd”, que teve acesso aos documentos oficiais relativos às operações financeiras do CEO do grupo LVMH. Arnault, que é considerado o homem mais rico da França, enviou a maior parte dos recursos para as holdings que mantém na Bélgica, a LVMH Finance Belgique e a Hanninvest.

* Na França, Arnault continua sendo visto como persona non grata por boa parte da população. (Por Anderson Antunes)