Para CEO da Óticas Carol, fazer parte do Grupo Luxottica colocou a rede em outro patamar

03.02.2017  /  10:48

nota-oticas
Ronaldo Pereira Junior, CEO da Óticas Carol, esteve na Casa Glamurama || Créditos: Divulgação

Ronaldo Pereira Junior, CEO da Óticas Carol, esteve nessa quinta-feira na Casa Glamurama para um bate-papo com Joyce Pascowitch. Animado com a fusão com o grupo italiano Luxottica, que comprou a rede por 110 milhões de euros (R$370 milhões), Ronaldo diz que o negócio colocou a Carol em outro patamar. A Carol, que abriu as portas em 1997, está em um ótimo momento: tem 950 lojas no Brasil e pretende somar mais 175 nesta conta ainda este ano.

Mais antiga, a Luxottica está no mercado desde 1961 e é a maior fabricante de óculos do mundo, dona de marcas como Ray-Ban, Persol e Bulgari, entre outras. Seu fundador é Leonardo Del Vecchio. Com  fortuna estimada em US$ 20,4 bilhões, Del Vecchio está na diretoria da Luxottica e é o maior acionista da companhia até hoje.