24.03.2020  /  17:26

Sabia que 17 mil bactérias e possíveis vírus circulam pelo seu celular todos os dias? Limpeza já! Saiba como

Não adianta lavar as mãos o tempo todo, gastar toneladas de álcool gel, e não limpar seu celular. Pois saiba que cerca de 17 mil bactérias circulam todos os dias pelo inseparável aparelho. Uma pesquisa feita na Universidade do Arizona mostrou que seu vaso sanitário tem 10 vezes menos germes do que isso.

Bactérias como E. coli e Staphylococcus aureus já foram encontradas nos aparelhos. Elas são as responsáveis por causar, respectivamente, problemas no trato digestivo e infecções cutâneas. A segunda ainda pode evoluir para quadros de pneumonia e até problemas cardíacos.

Vírus da gripe normal podem ficar na tela do seu aparelho de duas horas até nove dias. Cientistas acreditam que o tempo de vida do coronavírus na superfície do celular seja parecido. Por isso, a ordem é limpar seu ‘amiguinho’ diariamente. Ainda mais com o Covid-19 solto por aí.

Para começar, lembre-se de tirar sua capinha, desconectar cabos, desligar o celular e, se possível, tirar a bateria. Passe um pano desengordurante – ou, se não tiver, pode ser um pano de microfibra umedecido com água morna e um pouco de sabão.

Tire a umidade usando outro pano de microfibra ou papel toalha. A Apple, inclusive, está recomendando o uso de álcool gel 70% para a limpeza de produtos da marca. Mas é importante tirar o excesso de produto e tomar cuidado com entradas de carregador, fone e outras aberturas. Lembrando que a capinha também deve ser higienizada.

Aqui, outras dicas básicas para não infectar o celular: evite levá-lo para o banheiro, usá-lo no transporte público e, claro, não deixe de lavar suas mãos sempre.