09.11.2015  /  15:19

Cardigã de Kurt Cobain é arrematado em leilão por mais de US$140 mil

Nesse sábado, Beverly Hills, nos Estados Unidos, foi palco de uma venda milionária de itens que pertenceram a uma lista de celebridades. Durante o “Juliens Auctions”, foram arrematados instrumentos que pertenceram aos Beatles – eram os mais cobiçados -, incluindo um violão que pertenceu a John Lennon, arrematada por US$ 2,410 milhões (cerca de R$ 9 milhões), e um pedaço do cabelo do músico, vendido por US$ 25 mil (cerca de R$ 95 mil).  Outra peça superestimada pelo fato de ter feito parte da vida de uma estrela foi o cardigã de Kurt Cobain, arrematado por US$ 140,8 mil (cerca de R$5,330 mil). A peça, de fato, é uma espécie de extensão da imagem que muitos fãs têm na memória sobre Kurt, pois foi usado durante a gravação do show acústico do Nirvana, gravado pela MTV em novembro de 1993 e lançado em 1994 após o suicídio do vocalista do grupo. Acima, a peça usada pelo cantor durante a gravação da música “About a Girl”.

kurt

 

A contribuição de Kurt para a moda já deu as caras na passarela algumas vezes, como quando serviu como referência para a criação da icônica coleção grunge, desfilada em 1992 por Marc Jacobs para a marca Perry Ellis. Mais recente, surgiu no desfile de primavera 2016 da coleção masculina da Saint Laurent, por Hedi Slimane, batizada Tribute to Contemporary Californian Surf Music Culture.

O leilão também vendeu um tailleur Christian Dior usada por Madonna em outubro de 1966 no filme “Evita”, por US$ 12,5 mil (cerca de R$ 47 mil), e um vestido branco e preto usado por Lady Gaga em Londres, em 2011, por US$ 13,75 mil (cerca de R$ 52 mil).