28.04.2018  /  9:00

Caneta-tinteiro que pertenceu a Putin bate recorde em leilão e é vendida por R$ 268,8 mil

Vladimir Putin || Créditos: Getty Images

Uma caneta-tinteiro Parker que pode ser encontrada em lojas especializadas por meros US$ 250 (R$ 861,25) foi arrematada em um leilão realizado em Paris recentemente por US$ 77,170 (R$ 268,8 mil), um valor recorde em se tratando de produtos da centenária marca americana. O motivo por trás da diferença tem a ver com o dono anterior da caneta, ninguém menos que Vladimir Putin, considerado um dos homens mais poderosos do mundo na atualidade até por certos órgãos da grande mídia ocidental.

O presidente da Rússia a utilizava em seu escritório particular no Kremlin, depois de mandar decorá-la com o brasão de armas do país e 20 cristais Swarovski. A venda no martelo foi organizada pela Drouot, a mais antiga casa de leilões da França, e o nome do comprador permanece um mistério. Sabe-se, no entanto, que ele fez o lance vencedor por telefone e vai receber a caneta pelo correio, sem manter contato direto com ninguém, acompanhada de certificados de “provenance” e de autenticidade. (Por Anderson Antunes)