Uma das obras da série

Artista faz obras com açúcar e ironiza paranoias da sociedade moderna

0 Compartilhamentos
0
0
0
0
0
0

Para a saúde, todo mundo diz que ele é péssimo. Mas para a arte, o açúcar até que cai bem… Pelo meno na obra de James Ostrer. Na série “Wotsit All About?”, o britânico retrata com muita ironia a aflição da sociedade moderna em relação ao açúcar e outros produtos industrializados, e questiona as paranoias modernas. Suas figuras humanoides têm um aspecto meio grotesco e são construídas com muita batata frita, chantilly, pirulitos e chiclete. A maioria é auto-retrato do próprio artista, mas nunca estão bem humoradas: elas choram, sangram e gritam, em uma alusão aos sentimentos que hoje as pessoas têm ao comer açúcar ou alimentos não saudáveis. A exposição fica em cartaz até o dia 11 de setembro na galeria Gazelli Art House, em Londres. Cool!

[galeria]1207101[/galeria]