Caitlyn Jenner critica posição de Trump sobre trans nas forças amardas

0 Compartilhamentos
0
0
0
0
0
0
Caitlyn Jenner criticou posição de Donald Trump sobre transgêneros nas forças amardas || Créditos: Divulgação

Donald Trump desencadeou uma nova polêmica nesta quarta-feira. O presidente dos Estados Unidos usou sua conta do Twitter para comunicar que não vai permitir que transgêneros prestem nenhum tipo de serviço militar. “Nossos militares devem se concentrar em vitórias decisivas e extraordinárias, e não podem se preocupar com os tremendos custos médicos e transtornos que seriam causados por transgêneros entre os militares”, escreveu. Caitlyn Jenner, ativista da comunidade trans que também é republicana e apoiou a candidatura de Trump, usou a mesma plataforma para questionar a posição do presidente.

“Existem 15.000 transgêneros americanos patriotas nas Forças Armadas lutando por todos nós. O que aconteceu com sua promessa de lutar por eles?”, escreveu Caitlyn, relembrando um tuíte onde Trump garantiu que iria lutar pela comunidade LGBT. Lembrando que em fevereiro deste ano ela já havia feito duras críticas a Trump, pela revogação da medida criada pela gestão Obama que permitia a estudantes transgêneros usarem banheiros de acordo com suas identidades de gênero nas escolas públicas, considerando a decisão “um desastre”.

No Twitter, Caitlyn Jenner cobrou promessa de Trump de lutar pela comunidade LGBT || Créditos: Reprodução