10.05.2018  /  14:21

Bruna Marquezine em papo reto sobre rumores de casamento, pausa na carreira, filhos e até sobre hábito íntimo dela com Neymar. À entrevista!

Bruna Marquezine na Le Lis Blanc || Créditos: Glamurama

Glamurama encontrou com Bruna Marquezine na noite dessa quarta-feira, em um momento de folga das gravações de “Deus Salve o Rei”, fazendo compras em uma loja no Leblon. Sem todo aquele frenesi habitual em torno da atriz, deu pra gente bater um papo reto e sem rodeios com a moça, que não deixou de responder sobre nada. Foram várias perguntas sobre o relacionamento com Neymar. Vem ler o que ela disse! (por Michelle Licory)

Glamurama: É verdade que você vai dar um tempo na carreira e pedir rescisão de contrato com a Globo?

Bruna Marquezine: “Não tem nada de verdade nisso. Meu contrato não acabou, não tivemos nenhuma reunião, nada foi decidido. Para ser bem sincera, nem sei até quando meu contrato vai. Não tenho noção de data nenhuma”.

Glamurama: Então se tiver um convite interessante para novela no ano que vem você faz?

Bruna Marquezine: “Claro. Nunca disse que ia parar de trabalhar. Vou continuar trabalhando. Nem sei por que especularam isso. É um retrato dessa sociedade machista louca que a gente vive: se o casal não é um casal de atores, de artistas, alguém vai ter que abrir mão de seu trabalho para acompanhar o outro… Isso nunca foi uma questão dentro do meu relacionamento e nunca será. Sou apaixonada pela minha profissão. Já disse isso inúmeras vezes. E a minha profissão é uma das poucas no mundo que vou poder exercer até ficar velhinha. Se eu estiver disposta, sei que terei papéis. Em todas as idades. Nunca cogitei a possibilidade de parar de trabalhar. Não aconteceu nada na Globo e a gente nem tem falado sobre isso”.

Glamurama: Ok, você pode ser atriz até ficar velhinha, mas isso pode ser em qualquer país…

Bruna Marquezine: “Sim. Eu tenho muita vontade de trabalhar fora. Não com a intenção de construir uma carreira internacional porque eu não consigo fazer essa separação: nacional e internacional. Pra mim é uma carreira só, minha carreira, minha história. Mas é óbvio que tenho vontade de estudar fora, trabalhar fora. Isso porque quero conhecer outros profissionais, trabalhar com gente que admiro. Onde eu tiver oportunidade de trabalho que me interesse, eu vou. Mas foi mais uma fofoca pra dar clique…”

Glamurama: O fato é que vocês moram em países diferentes, Brasil e França. Como será quando casarem, tiverem uma família?

Bruna Marquezine: “Gente, tenho 22 anos, ele 26, e prestes a jogar uma Copa do Mundo. Estou fazendo uma novela. Essa ainda não é uma questão no relacionamento. E nem tem motivo pra isso. Onde vamos morar… E por que sempre existe essa questão quando um casal está junto? Por que a gente não respeita o agora? Por que não vive o agora e respeita o tempo das pessoas? A gente não se cobra isso e não tem a menor pressa para decidir isso… Onde vamos morar, quando vamos ter filhos, se vamos ter filhos… Não é a realidade que a gente vive hoje. Ele está em um momento superimportante da vida dele, superdelicado. E eu também. Agora isso não é uma questão então não tenho como responder”.

Glamurama: Então essa história de casamento em Fernando de Noronha…

Bruna Marquezine: “É uma baita de uma mentira, que já foi negada e depois disso começaram a surgir, de novo, mais mil matérias falando que está confirmado o casamento, sim. É, deve ser, só esqueceram de confirmar com os noivos. Os noivos ainda não estão confirmados, mas o casamento deve estar… Não tem casamento nenhum”.

Glamurama: E mês que vem, dia dos namorados, às vésperas da Copa… Já pensou no presente?

Bruna Marquezine: “Eu adoro dar presente. Ele é uma pessoa bem difícil de dar presente. Ah, na verdade, não é difícil porque ele é muito simples. Mas costumo dar algo personalizado, que seja único, que tenha um valor afetivo maior. Mas ainda não pensei em nada. Em outras ocasiões, já mandei fazer coisa, ou dou uma experiência, um momento, algo que lembre nós dois, a história do casal. Me dedico aos detalhes. Já dei colar com alguma palavra ou inicial… Vai ser algo por aí…”

Glamurama: Vocês têm um ritual pré-jogo, para dar sorte pra ele? Ser namorada do Neymar em época de Copa é muita responsabilidade…

Bruna Marquezine: “A gente se fala antes de jogo sempre, assim como ele sempre fala comigo antes de algo importante que eu tenha pra fazer, desejando boa sorte… Mas não tem nenhum ritual especial, não”.