19.03.2019  /  9:47

Bolsonaro teria tentado se reunir com Nancy Pelosi, presidente da Câmara dos EUA e rival de Trump

Nancy Pelosi e Jair Bolsonaro || Créditos: Getty Images

Admirador declarado do presidente Donald Trump, com quem se encontrará nessa terça-feira em Washington, Jair Bolsonaro teria tentado aproveitar sua viagem oficial à capital dos Estados Unidos para agendar um encontro com Nancy Pelosi, a presidente da Câmara dos Deputados americana e maior adversária política do atual morador da Casa Branca, razão pela qual é considera a mulher mais poderosa do país no momento.

“É um sinal de que [o governo do] Brasil entende a importância de criar uma relação forte com os EUA que vá além do ‘bromance’ com Trump”, postou nessa segunda-feira no Twitter o jornalista americano Brian Winter, editor-chefe da revista “Americas Quarterly”, que fez a revelação sobre as supostas tratativas entre os times de Pelosi e Bolsonaro.

O tête-à-tête do líder brasileiro com a deputada democrata, no entanto, não pôde ser agendado, segundo Winter, porque o Congresso americano está em recesso nessa semana. Pelosi é quem tem nas mãos o poder de aprovar ou não um pedido de impeachment de Trump, que sofre acusações de conspiração com os russos e obstrução da justiça, mas dias atrás ela disse que o republicano “não merece esse esforço”. (Por Anderson Antunes)

*

Abaixo, o tuíte de Winter: