07.09.2019  /  9:00

Biografia “reveladora” de Kate Spade em breve sairá do forno pelas mãos de Vanessa Friedman

Vanessa Friedman e Kate Spade || Créditos: Reprodução

Colunista de moda do “The New York Times”, Vanessa Friedman está escrevendo as últimas linhas de uma biografia sobre Kate Spade, que se suicidou em junho do ano passado. A obra – que será publicada pela gigante Random House nos Estados Unidos – está sendo descrita por quem leu alguns de seus trechos como “reveladora” e até “bombástica”, já que as duas fashionistas eram amigas.

Spade, que fundou a grife que leva seu nome e ficou famosa pelas bolsas em 1993 e em 2007 a vendeu para o conglomerado de luxo americano Tapestry, Inc., foi encontrada morta no apartamento onde morava na Park Avenue de Nova York, e dias depois de receber um pedido de divórcio de Andy Spade, seu marido e sócio desde os primórdios do negócio.

No dia da morte da estilista, Friedman escreveu no “Times” que ela foi alguém de talento ímpar que teve a ideia de criar uma marca bilionária e ajudou a definir a forma como as americanas se vestem, com classe e sem elitismos. A jornalista também já publicou livros sobre outros temas ligados ao mundinho e um sobre maiores trabalhos de Emilio Pucci, mas até então nunca tinha biografado ninguém. (Por Anderson Antunes)