29.10.2014  /  12:06

Bilionário da África do Sul doa US$ 1 milhão para pesquisas do ebola

Patrice T. Motsepe - World Economic Forum Annual Meeting Davos 2009
O sulafricano Patrice Motsepe, primeiro bilionário negro da África do Sul

No território sem limites da internet, há pessoas que acham certo culpar os habitantes do continente africano pela epidemia de ebola que assusta o mundo. Mas foi justamente de um africano que partiu a maior doação individual registrada até agora para a pesquisa pela cura da doença.

O bilionário da África do Sul Patrice Motsepe, que fez fortuna no setor de mineração, acaba de enviar um cheque de US$ 1 milhão para um fundo formado por países africanos dedicado à luta contra a proliferação do vírus ebola.

Motsepe, que foi o primeiro bilionário negro da África do Sul, também é o único do país que faz parte do The Giving Pledge, fundação criada por Bill Gates e Warren Buffett que reúne ricaços do mundo inteiro comprometidos a doar pelo menos a metade de suas fortunas pessoais ainda em vida. (Por Anderson Antunes)