24.10.2020  /  9:00

Bilionário brasileiro que vendeu casa na Flórida por mais de R$ 57 mi é o assunto do momento por lá

As Ilhas Venezianas (ou “Venetian Islands”), um dos lugares mais caros da Flórida pra se morar || Créditos: Reprodução

Nos últimos dias, o assunto entre os corretores especializados em imóveis de alto padrão que atuam na região das Ilhas Venezianas da Flórida, uma das mais caras para se morar no estado americano, é um só: todos eles estão doidos para descobrir quem foi o bilionário brasileiro que recentemente vendeu uma casa de seis suítes localizada em frente ao mar que tinha lá por US$ 10,2 milhões (R$ 57,2 milhões).

A transação salta aos olhos porque aparentemente envolveu uma série de empresas criadas especificamente para fechar o negócio e com o único intuito de manter a identidade dos envolvidos em segredo, o que está longe de ser ilegal mas também não é tão comum assim nos Estados Unidos, país em que os muito ricos não se preocupam muito com essas coisas.

No caso da entidade responsável pela venda, seu nome registrado nos autos é o brasileiríssimo Cana Brava Delaware LLC, e a propriedade de 540 metros privativos em questão foi adquirida por seu agora ex-dono em 2015, por US$ 12 milhões (R$ 67,3 milhões). Ou seja: além de ter feito tudo na surdina, ele ainda assumiu um prejuízo milionário para se desfazer do pied-à-terre. Foi a crise? (Por Anderson Antunes)