Beyoncé Knowles || Créditos: Reprodução

Beyoncé não permitiu ser fotografada durante sua performance no funeral de Kobe Bryant

0 Compartilhamentos
0
0
0
0
0
0
Beyoncé Knowles || Créditos: Reprodução

Convidada especial do funeral de Kobe Bryant e da filha do astro da NBA, Gianna Maria-Onore Bryant, que aconteceu nessa terça-feira no ginásio Staples Center de Los Angeles, Beyoncé Knowles levou muitos dos presentes na cerimônia às lágrimas com suas interpretações emocionantes dos hits “XO” e “Halo”. Mas a cantora não quis saber de ter o momento registrado por fotógrafos, que haviam sido previamente informados pelos organizadores do evento transmitido ao vivo pela internet que cliques da diva durante a performance estavam terminantemente proibidos e não se falava mais nisso.

Editores de agências poderosas como a Associated Press e a Getty Images chegaram a reclamar da imposição, que não conseguiram derrubar de jeito nenhum. Nos bastidores do Staples, o comentário era que até familiares de Bryant se sentiram desconfortáveis com o controle de imagem excessivo de Knowles e seu time de assessores. “Nem a família de Michael Jackson fez isso”, reclamavam alguns. Também presentes na ocasião, Christina Aguilera e Alicia Keys se deixaram fotografar normalmente.

Não é de hoje que a intérprete de “Single Ladies” vive às turras com a imprensa. No passado, agentes dela chegaram a ameaçar com processos sites e revistas dos Estados Unidos que publicassem fotos da popstar que não fossem de seus melhores ângulos. Um desses atritos mais famosos, aliás, data de 2013, ano em que Knowles se apresentou no Show do Intervalo do Super Bowl e sua porta-voz enviou um e-mail bem malcriado para que o pessoal do “BuzzFeed” retirasse do ar uma galeria de imagens com “os 33 momentos mais ousados” da patroa no mega-show esportivo. Pegou bem mal. (Por Anderson Antunes)