27.02.2018  /  9:00

Autora do livro que inspirou “The Handmaid’s Tale” decidiu se isolar do mundo. Saiba o motivo!

Elisabeth Moss e Margaret Atwood || Créditos: Getty Images

Autora do livro no qual a premiada série “The Handmaid’s Tale” é baseada, Margaret Atwood não deverá participar dos eventos promocionais que antecederão a estreia da segunda temporada no hemisfério norte, em abril. Aos 78 anos e em plena atividade, ela decidiu se isolar do mundo, porém por um bom motivo.

“Depois de uma agenda intensa entre 2016 e 2017, Margaret achou melhor parar de conceder entrevistas e de atender outras solicitações parecidas até a conclusão de seu próximo livro, já que agora precisa de tempo para escrever”, disse ao Glamurama, Lucy Morris, assessora de imprensa da escritora canadense.

Com previsão de estreia no Brasil para 11 de março (às 21h, no Paramount Channel), “The Handmaid’s Tale é produzida pela plataforma de streaming Hulu e foi eleita a melhor série de 2017 pela mídia americana, além de ter levado o Globo de Ouro e o Emmy de Melhor Série Dramática do ano passado.

Adaptação para a telinha do livro “O Conto da Aia”, que Margaret publicou em 1985, a atração conta a história de June (interpretada por Elisabeth Moss), em um mundo apocalíptico no qual mulheres não gozam de direito algum e vivem sob um sistema teocrático que as trata como escravas, inclusive sexuais.

Moss, que venceu o Emmy e o Globo de Ouro de Melhor Atriz em Série Dramática por sua atuação, vive o melhor momento da carreira por causa do papel e de quebra virou ícone entre as feministas. Ela também se tornou amiga de Margaret, com quem costuma falar por telefone sempre que possível. (Por Anderson Antunes)

Elisabeth em cena da atração produzida pelo Hulu || Créditos: Divulgação