15.09.2017  /  11:44

Atriz que interpretou a namorada de Michael em “Thriller” luta por royalties. Vem saber!

Michael e Ola Ray no clipe de “Thriller” || Créditos: Reprodução

Ola Ray, a atriz que interpretou a namorada de Michael Jackson no videoclipe de “Thriller”, está processando os administradores do espólio do cantor por supostos royalties sobre a produção de 1983 que não lhe foram devidamente pagos. Hoje com 57 anos, ela tinha 22 quando gravou o lendário vídeo de 14 minutos ao lado do cantor, e na época levou pra casa um cachê de apenas US$ 2,5 mil (R$ 7,8 mil) pelo trabalho.

Com base em um acordo que teria feito com o próprio Michael anos antes de ele morrer, em 2009, Ola afirma que tem direito a embolsar 2,5% dos lucros totais do videoclipe, que os advogados dela estimam em centenas de milhões de dólares. Ao longo dos anos, segundo eles, a atriz recebeu apenas US$ 200 mil (R$ 625,4 mil), sendo que destes US$ 55 mil (R$ 172 mil) foram depositados na conta dela em 2013 depois de uma outra disputa judicial.

Vale lembrar que a versão em 3D de “Thriller” foi lançada no início do mês durante o Festival de Veneza, que neste ano contou com uma programação especial para homenagear o hit que transformou Michael no rei do pop e até hoje mantém o posto de single mais bem sucedido da história. (Por Anderson Antunes)

*

Deu vontade de assistir “Thriller” de novo? É só clicar no play aí embaixo: