05.03.2019  /  13:00

Atraso de duas horas e problemas técnicos marcam passagem de Baby do Brasil pelo circuito Dodô

Baby do Brasil em Salvador || Créditos: Fernando Torres

A segunda-feira não foi fácil para os artistas e foliões no circuito Dodô (Barra Ondina), em Salvador. Quarto bloco a desfilar no dia, o caminhão das Filhas de Gandhy quebrou logo no começo de seu percurso o que gerou um atraso enorme nas apresentações seguintes. Outra baixa foi a do cantor Denny Denan, que sofreu um princípio de infarto e teve que cancelar sua participação.

Com tudo isso, um dos trios mais prejudicados foi o de Baby do Brasil que estava inicialmente marcado para começar 21h05, mas teve que aguardar uma enorme fila e só saiu 23h. A cantora também tem uma pequena parcela de culpa nessa demora, já que sua produção praticamente teve que levá-la “a força”, já que estava difícil de Baby sair do camarim. Uma das consequências de tudo isso foi a presença do público, bem menor do que esperado para acompanhar seu trio que não tinha cordas. A imprensa que a aguardava por lá também só conseguiu tirar algumas fotos e, para finalizar, o microfone deu problema desde o início e ela não era ouvida pelos foliões e nem em seu retorno. Mesmo assim, Baby seguiu em frente, já que não era mais possível interromper o desfile.  No vídeo, Glamurama mostra o início da passagem de Baby pela Barra Ondina e seu desconforto com a situação.

Saiba mais do Carnaval de todo Brasil no canal Comissão de Frente por FIAT. Para acompanhar as novidades da FIAT, acesse o site e as redes sociais: Facebook, TwitterInstagram e YouTube.