11.09.2016  /  19:46

Aplicando expertise na moda à sétima arte, Tom Ford leva Leão de Prata em Veneza

92109627
Tom Ford na première de “Nocturnal Animals” durante a 73ª edição do Festival de Cinema de Veneza || Créditos: Getty Images

Além de estilista renomado, Tom Ford se consagra cada vez mais como diretor de cinema. Nesse sábado, o americano levou o Leão de Prata como melhor diretor durante a 73ª edição do Festival de Cinema de Veneza pelo longa “Nocturnal Animals”(2016), perdendo apenas para “The Woman Who Left”, do filipino Lav Diaz, que levou o Leão de Ouro. Na mesma noite, o filme também rendeu a Amy Adams o prêmio de Melhor Atriz. Trata-se do segundo filme dirigido por Ford, que já tinha recebido elogios por “Direito de Amar”(2009).

“Nocturnal Aminals” chega aos cinemas em novembro, e o que podemos esperar dele? A história se baseia na obra “Tony and Susan” de Austin Wright, que detalha as memórias e impressões de uma mulher depois que ela recebe um manuscrito de seu ex-marido. Amy Adams interpreta Susan, enquanto Jake Gyllenhaal dá vida aos dois Edwards: o ex-marido e Tony, personagem central no filme que conecta Edward a seus sentimentos. 

E parece que Ford sabe muito bem usar sua expertise na moda para a sétima arte. “Estilo sempre tem que servir substancialmente. Acredite ou não, eu não sou apenas sobre o estilo, especialmente na produção de filmes. Tem que ser parte da narrativa … Estilisticamente, eu nunca tomei uma decisão que não se relaciona com a história”, disse Tom Ford em coletiva de imprensa antes de receber o prêmio, durante o festival de Veneza.

cine-1
Cartaz de “Nocturnal Animals” e o estilista/diretor com o Leão de Prata que venceu como Melhor Diretor pelo filme || Créditos: Divulgação/Getty Images