O edifício One57, em NY

Apê em prédio mais caro de NY vai a leilão para pagar dívidas do dono

31.05.2017  /  16:18

O edifício One57, em NY || Créditos: Divulgação
O edifício One57, em NY || Créditos: Divulgação

A crise chegou na “Ala dos Bilionários”, o entorno da rua West 57th de Manhattan, em Nova York, que ganhou o apelido em razão da grande quantidade de membros do clube dos dez dígitos que moram lá. Um apartamento no cobiçado One57, o prédio residencial mais exclusivo do mundo, vai a leilão judicial no dia 14 de junho para pagar as dívidas de seu proprietário, cuja identidade é um mistério guardado a sete chaves.

O imóvel de quatro quartos e mais de 320 metros quadrados foi comprado em 2015, através de uma LLC (empresa de responsabilidade limitada), por US$ 21,4 milhões (R$ 69,5 milhões). Colocado à venda no ano passado por US$ 22,5 milhões (R$ 73,1 milhões), ainda não atraiu nenhum interessado, e a menos que isso aconteça nas próximas duas semanas será vendido no martelo por US$ 20,9 milhões (R$ 67,9 milhões).

O One57 começou a ser construído em 2009 e ficou pronto cinco anos mais tarde. Com unidades que variam entre US$ 8 milhões (R$ 26 milhões) e US$ 100 milhões (R$ 325 milhões), o edifício tem entre seus proprietários vários bilionários. Até o brasileiro Edson de Godoy Bueno, que morreu em fevereiro, pagou US$ 53 milhões (R$ 172,2 milhões) por um apartamento lá há dois anos. (Por Anderson Antunes)