17.10.2018  /  19:06

Almoço chez Bia Yunes Guarita para Ai Weiwei terá toque de brasilidade e pedido especial

Ai Weiwei ganha almoço chez Bia Yunes Guarita, em São Paulo || Créditos: Bruna Guerra/Divulgação

Recém-chegada de uma de suas muitas idas a Paris, Bia Yunes Guarita arma neste sábado, em seu château, no Jardim Europa, um almoço em torno de Ai Weiwei. O artista plástico chinês está em São Paulo para a aguardada abertura da mostra “Ai Weiwei Raiz”, na OCA – a maior já dedicada a suas obras. Para o encontro, Bia encomendou à sua equipe um menu com clássicos da gastronomia brasileira, com direito a muito brigadeiro, ‘iguaria’ que Weiwei confessou amar à anfitriã, quando ela esteve em seu ateliê em Berlim.

Nesta quinta-feira, porém, os papeis se invertem. É o artista chinês que pilota um jantar dedicado a todos que o apoiaram a montagem da exposição. O jantar rola no Studio SC, de Sergio Coimbra, e vai servir quitutes da culinária chinesa, claro.