16.09.2014  /  7:58

Alessandra Negrini: “É ilusório achar que é o ego que traz felicidade”

Lado a Lado
Lado a Lado

Aos 44 anos, mãe de Antônio e Betina e uma das atrizes mais talentosas de sua geração, Alessandra Negrini está dando o que falar na pele da perigosa Suzana, na trama global das seis “Boogie Oogie”. Em conversa ao Glamurama, ela falou sobre a busca da beleza em cada momento da vida, sobre o amor, a escolha da profissão e revelou como mantém a boa forma, que curiosamente inclui muito arroz e feijão. Confira!

Glamurama: Quais foram os trabalhos mais marcantes da sua carreira?

Alessandra Negrini – Depende da época, mas eu diria que os que pontuaram a minha carreira foram “Engraçadinha” [1995], o filme “Cleópatra”[2007], a novela “Paraíso Tropical” [2007], na qual fiz irmãs gêmeas, e o longa “Abismo Prateado” [2011].

Glamurama – Você desistiu de cursar Comunicação e Ciências Sociais. Já sabia que seria atriz?

Alessandra Negrini – Nunca se sabe, se arrisca. Por isso parei as faculdades. Mas eu gostava, era boa aluna e foi um período maravilhoso. Aprendi muito e fiz amizades que duram até hoje.

Glamurama – O que mais marcou a sua infância?

Alessandra Negrini – Os conflitos, as brincadeiras . Sempre brinquei muito. Acho que a atriz nasceu aí.

Glamurama – Como está sendo viver a Susana?

Alessandra Negrini – Muito divertido, gosto dela. Está longe de ser um personagem óbvio.

Glamurama – Na novela, ela é apaixonada por um homem casado. Isso já aconteceu com você na vida real?

Alessandra Negrini – Não, sempre evitei. É uma escolha que me traria sofrimento.

Glamurama – Como foi completar 44 anos? Como lida com a idade?

Alessandra Negrini – Tento não ser adepta aos discursos prontos em relação a isso. É um desafio interessante buscar a beleza de cada momento da vida. Sou vaidosa, sim, só cuido para que isso não seja a coisa mais importante. É ilusório achar que é o ego que traz felicidade. Na maioria das vezes somos mais felizes quando abrimos mão dele, mas não é fácil.

Glamurama – Como é a sua alimentação? E sua rotina de exercícios?

Alessandra Negrini – Sou carnívora, como arroz e feijão todos os dias.  Adoro ovo, evito fritura, doce de vez em quando. Procuro não comer muito. Mas não abro mão de beber quando estou a fim. Normalmente faço academia três vezes por semana, mas quando estou fazendo novela é mais difícil ter tempo, o que me incomoda, porque adoro treinar.

Glamurama – Acredita no grande amor da vida?  

Alessandra Negrini – Acredito no amor.

Glamurama – Um sonho?

Alessandra Negrini – Achar graça cada dia mais.

(Por Denise Meira do Amaral)