14.01.2020  /  15:07

Agende-se! Fim de semana está cheio de boas atrações no Blue Note SP

Fim de semana está cheio de boas atrações no Blue Note SP || Créditos: Divulgação

Pensando na programação da semana, glamurette? Se estiver em São Paulo é só colar lá no Blue Note, reduto de jazz que fica no Conjunto Nacional. Além de música boa e drinks mil, o hotspot tem direito a uma vista incrível da Avenida Paulista. A gente adora!

Teago Oliveira – Boa Sorte – 14/01, ás 20h 

“Boa Sorte” é o nome do primeiro disco de Teago Oliveira, vocalista e guitarrista da Maglore, banda de rock alternativo e MPB. Além das 11 faixas inéditas que compõem o disco, Teago apresentará nesse show solo algumas canções de sua autoria que foram regravadas por outros músicos – como “Motor”, gravada por Gal Costa e Pitty, e “Não Existe Saudade no Cosmos”, gravada por Erasmo Carlos.

Coletivo Imaginário toca Birth of the Cool – 15/01, às 20h 

Show dedicado a uma das mais expressivas obras do trompetista Miles Davis, que marca a fase Cool de sua carreira: o Birth of the Cool Nonet. Nesse projeto, o Coletivo Imaginário preserva a formação original do famoso noneto de Miles e apresenta os arranjos originais escritos pelo grupo. Com Breno Rodrigues (piano), Daniel Coelho (baixo), Dhieego Andrade (bateria), Reynaldo Izeppi, Rafael Januário, Pedro Almeida e Fábio Oliva (sopros).

Tributo a Santana com Mark Lambert – 15/01 às 22h30

O guitarrista mexicano Carlos ganhou projeção mundial com sua atuação no Festival de Woodstock, em 1969, e desde então transformou um dos maiores nomes do rock. Nesse show, hits como ‘Black Magic Woman, ‘Evil ways’, ‘Smooth’ e ’Oye Como Va’ serão apresentados pelo cantor e guitarrista Mark Lambert (voz, guitarra, arranjos), com Márcio Roldan (piano), Marinho Andreotti (baixo) e Lael Medina (bateria) e Vinicius Barros (percussão) como convidado especial.

Tributo a Amy Winehouse com Amy Lives ESGOTADO -16/01, às 20h

Musical Souza Lima & Berklee SP e fez sua primeira turnê com shows nas mais importantes cidades do Japão em festivais de música e casas de jazz em 2018. Também se apresentou em Portugal, no Clube do Choro, assim como no Projeto Viva o Samba no Cais do Sodré e no tradicional Hard Rock Lisboa. Nessa noite ela canta os grandes sucessos de Amy Winehouse, ícone da música mundial. ao lado de Rik Oliveira (guitarra vocais), Gustavo Tibi´ (teclado e vocais), Rafael Garrafa (baixo e vocais) e Marcos Feijão (bateria).

Go Black – Motown Classics – 16/01, às 22h30

Noite de clássicos dançantes com Rik Oliveira (guitarra e voz), Rafael Garrafa (baixo), Gustavo Tibi (teclado e voz) e Marcos Feijão (bateria).

Grooveria –  17/01, às 20h

Neste show, o coletivo traz pérolas swingadas do samba funk como Funk “Tamburim”, de Tania Maria, e “Sweet Lucy”, de Raul de Souza. Tocarão também suas famosas “versões Grooveria” de clássicos da MPB, como “Serrado”, de Djavan, que ganhou um clima “chachafunk”, como define Tuto Ferraz, baterista, arranjador e produtor do grupo.  Com Tuto Ferraz (bateria, vocal, arranjos e composições), Léo Caranga (guitarra e voz), Alvaro Alves (guitarra), Ed Menezes (baixo), Herbert Medeiros (teclados), DJ Tubarão (percussão e pickups), Rodrigo Bento (sax tenor), Doug Bone (trombone) e Paulo Jordão (trompete).

Izzy Gordon – 17/01, às 22h30

A cantora, compositora e pianista Izzy Gordon nasceu em uma família musical. Filha do músico Dave Gordon e sobrinha de Dolores Duran. Neste show, ela relembrará o repertório do disco “O que eu tenho pra dizer”, que comemora 10 anos de lançamento em 2019.

Arnaldo Antunes Trio – Show RSTUVXZ – 18/01, às 20h e 22h30

Nesse novo show com as presenças de Betão Aguiar (baixo, violão de nylon, guitarra e vocais) e Curumin (bateria, programações, percussão, vocais e violão), Arnaldo Antunes expande o conceito do diálogo entre rock e samba, alternando no repertório, além das canções do álbum, resgates de rocks (Fora de Si, Televisão, Essa Mulher) e sambas (Alegria, Talismã, Só Solidão) emblemáticos da sua carreira.

Blue Note Kids – Canções para Pequenos Ouvidos – 19/01, às 14h30

Canções para pequenos ouvidos: O show “Canções para pequenos ouvidos” é composto por canções tradicionais, além de músicas autorais, aliados a uma abordagem cênica e com instrumentos convencionais e inusitados. O projeto recebeu o Prêmio APCA 2017 e foi indicado ao Prêmio São Paulo de Incentivo ao Teatro Infantil e Jovem 2017 na categoria Melhor Trilha Sonora Original. Com Sandro Fontes (violão), Monique Franco e Tereza Gontijo (percussão e voz), Henrique Rímoli (trompete, banjo e sanfona) e Alexandre Maldonado (bateria).