Publicidade

Após 21 anos nos Jardins, casa icônica muda-se para os Campos Elíseos

Inaugurado em 1999 na Alameda Franca, nos Jardins, o DJ Club funcionou no mesmo endereço por 21 anos. Com a pandemia, o imóvel foi vendido e as portas fecharam. Agora, o DJ Gé Rodrigues, que discoteca na noite paulistana há 38 anos, e seu sócio, o empresário Igor Calmona, do Madame Club – a versão século 21 do Madame Satã ­, após muita procura, acharam um casarão nos Campos Elísios e, apostando na recuperação do Centro, reabre o novo clube, agora, rebatizado como Complexo DJ Club.

Uma construção de 1890, que abrigou nos últimos anos o colégio Maria José, na Alameda Glete, o novo espaço, além da pista de dança no porão, todo reformado com tijolos aparentes, luzes de led e som de última geração, a casa terá vários lounges, decorados com lustres e sofás vintage, e ganha um espaço gourmet com Sushi Bar, Pizzaria, Hamburgueria e a Tratoria do DJ, com massas especiais. Um galpão com palco para shows musicais e performances, um minicinema para projeções de áudio visual completam a nova casa, que oferece ainda a quadra olímpica localizada nos fundos do casarão, para a realização de eventos e feiras (de vinil, moda e arte), juntamente com um Estúdio para gravações, salas de ensaio de dança e cursos de DJ, tornando o Complexo um novo polo cultural na região central da cidade, que será aberto ao público em 1º de março, a partir das 22h.

Na noite de abertura, os DJS Ge Rodrigues, Érica de Freitas, Maia (89fm) e Binho animam a pista principal e o VJ Clarck e o pop wave do DJ Marcio Vaez ocupam o palco do galpão. Já em 14 de março acontece a primeira edição da festa Disco Fever na Dj Club, uma homenagem ao DJ Mauro Borges.

 

Serviço:

Complexo DJ Club

Alameda Glete, 562 – Campos Elíseos

Abertura: 1º de março, a partir das 22h

Funcionamento: das 22h00 até 5h, às sextas e sábados

Informações e reservas: 11 99715-0533

Instagram

Twitter