16.04.2015  /  16:00

Adriana Lima fala sobre amigos, viagem e Pequeno Príncipe

Adriana Lima na inauguração da nova ala do hospital Pequeno Príncipe || Créditos: Divulgação
Adriana Lima na inauguração da nova ala do hospital Pequeno Príncipe || Créditos: Divulgação

Adriana Lima deu um rasante em terras brasileiras por um motivo mais do que nobre: a top foi convidada pela IWC para participar da inauguração da nova área de recreação e da biblioteca do hospital filatrópico Pequeno Príncipe de Curitiba, que aconteceu nessa terça-feira. Glamurama bateu um papo para saber qual a relação da top com essa causa. Vem saber!

Glamurama – Como você conheceu o hospital Pequeno Príncipe?

Adriana Lima – Eu tive o prazer de ser convidada pela IWC para participar da inauguração da nova área do hospital. Fico muito feliz que a visão deles de responsabilidade social se alinha com a minha, e foi uma verdadeira honra poder encontrar com essas crianças lindas, ler para elas, conversar e ficar amiga.

Glamurama –  Qual sua relação com o livro “Pequeno Príncipe”?

Adriana Lima – Eu li o “Pequeno Príncipe” quando era criança. Eu acho que é uma história muito especial para ser lida e apreciada por todas as idades por causa da sua mensagem de amizade e a importância da vida.

Glamurama – Algum livro influenciou sua carreira?

Adriana Lima – Um dos meus livros favoritos é “O Poder do Agora”, de Eckhart Tolle. Acho a história muito inspiradora.

Glamurama – “O Pequeno Príncipe” fala das relações de amizade, principalmente com a famosa passagem da raposa. Você tem amigos que fez durante a carreira que tiveram que ser conquistados?

Adriana Lima – Eu acho que todas as amizades tem altos e baixos e você aprende lições em todas as situações. Existem amizades que são eternas e outras que ficam com você só por um momento, mas elas sempre ajudam a descobrir quem somos.

Glamurama – As angels são todas amigas?

Adriana Lima – Claro que sim! É quase impossível não ser! Passamos muito tempo juntas e temos que viajar para tantos lugares…

*A nova área do hospital Pequeno Príncipe foi possível graças à doação de um relógio IWC de platina (modelo Last Flight), que foi a leilão em 2014, arrecadando cerca de R$ 132 mil. Adriana Lima doou mais R$ 70 mil.