05.12.2017  /  9:00

A semana mal começou e o dono da Zara já ficou US$ 2,3 bi mais rico… Saiba mais

Amancio Ortega || Créditos: Getty Images

Divulgado nesta segunda-feira, um relatório do banco americano JP Morgan Chase & Co. sobre a Inditex indicou que a ação da holding que controla a Zara tem o potencial de atingir € 38 (R$ 146,30) no curto prazo, ante os € 29,50 (R$ 113,57) do fechamento da última sexta-feira. Foi o suficiente para causar um frenesi nos mercados, com investidores de todos os cantos se apressando para aplicar na dona da fast fashion número um do planeta e gerando uma alta de mais de 3,40% em seus papeis.

O efeito positivo deverá persistir nos próximos dias, já que outras instituições financeiras – como o Royal Bank of Canada, o Goldman Sachs, e os bancos de investimento Jefferies, dos Estados Unidos, e Macquarie, da Austrália – também produziram análises recentemente nas quais concluem que a ação da Inditex está sendo negociada abaixo do preço alvo e em clima de liquidação e, portanto, se trata de um ótimo investimento.

Quem deve estar rindo à toa com tudo isso é Amancio Ortega, o fundador da Inditex, que só nesta segunda-feira viu sua fortuna aumentar em mais de US$ 2,3 bilhões (R$ 7,5 bilhões) e bater nos US$ 78,3 bilhões (R$ 254,5 bilhões). E por falar em Ortega, Pablo Isla – o CEO da gigante varejista espanhola, tido como sucessor natural do bilionário – acaba de ser eleito o executivo do ano pela “Harvard Business Review”, conceituada revista de negócios da Universidade de Harvard. (Por Anderson Antunes)