30.08.2018  /  7:19

A eterna rainha do soul Aretha Franklin “trocou de figurino” no próprio velório. Vem saber!

O corpo de Aretha sendo velado no museu de Detroit || Créditos: Getty Images

Assim como aconteceu na quarta-feira, o corpo de Aretha Franklin será apresentado nesta quinta-feira ao público que tem marcado presença no velório da cantora em um novo modelito, e conforme ela própria havia pedido em vida aos mais próximos. O funeral da rainha do soul começou na última terça-feira no Charles H. Wright Museum of American History de Detroit, e em grande estilo como uma vida merece: o caixão, de ouro, chegou ao local a bordo de um Cadillac LaSalle de 1941, e ovacionado pelos fãs.

Assim que aberto, Aretha pôde ser vista de vestido e saltos vermelhos, porém na quarta o visual dela era outro, com saltos azuis e “cocktail dress” da mesma cor. O look foi completado com batom vermelhão nos lábios e unhas igualmente pintadas de vermelho. Do lado de fora do museu, que foi fundado em 1965 e reinaugurado em 1997 com novo prédio e é o maior do mundo dedicado à cultura afro-americana, dezenas de pessoas vendiam souvenirs com o rosto da intérprete de “Respect”.

Aretha morreu no último dia 16, aos 76 anos, depois de uma longa batalha contra um câncer no pâncreas. Natural de Memphis, no Tennessee, a cantora foi criada e iniciou a carreira em Detroit, no Michigan, onde sempre foi tida como uma espécie de “autoridade informal”. O sepultamento será nesta sexta-feira no mesmo cemitério onde seu pai, irmão e irmãs estão enterrados. Ela deixou quatro filhos e muitos “órfãos” famosos no mundo do música, entre eles, Steve Wonder e Faith Hill, que deverão homenageá-la em sua despedida. (Por Anderson Antunes)

A cantora de vestido e saltos vermelhos || Créditos: Getty Images