21.05.2019  /  16:16

“A Dona do Pedaço” chega com tomadas de tirar o fôlego e Fernanda Montenegro roubando a cena

Glamurama acompanhou a estreia de ‘A Dona do Pedaço’, nova novela das 9h da Globo, que rolou nessa segunda. Escrita por Walcir Carrasco, a trama chega com a missão de dar um up na audiência do horário nobre, que andou devagar durante a exibição de sua antecessora, ‘O Sétimo Guardião’. Uma grande responsabilidade dada a um experiente autor e a uma das melhores diretoras da casa, Amora Mautner. E assim de cara, o que mais nos chamou a atenção mesmo foi a fotografia da novela. Digna de cinema, as tomadas feitas em Nova Esperança do Sul, município do Rio Grande do Sul com 5 mil habitantes, são de tirar o fôlego. Lindas paisagens e a igreja São Caetano, construção de pedra em estilo espanhol erguida pelos primeiros italianos que chegaram na região há mais de 100 anos, combinadas a uma iluminação mais quente e takes abertos, deram ao capítulo uma sensação de amplidão, de uma certa aridez, de abandono, que remeteu a alguns filmes dos irmãos Coen.

No elenco recheado de feras, ela – sempre ela – rouba a cena: Fernanda Montenegro como Dulce, impiedosa matriarca do clã Ramirez, avó da mocinha Maria da Paz (Juliana Paes), que, sob a aparência frágil e inofensiva esconde uma mulher cruel e vingativa, está divina. Lobo em pele de cordeiro. A verdadeira dona do pedaço. O figurino de Cláudia Kopke também merece atenção. Ela capricha em um mix folclórico-contemporâneo, que pôde ser notado em especial nas cenas do casamento de Paz. A noiva estava linda. E isso é só o começo. Estamos de olho!