A história de romance entre Bella Swan e Edward Cullen está virando uma trama de terror. O último filme sobre o casal fictício, “Amanhecer – Parte 1”, tem causado ataques de epilepsia em alguns espectadores dos Estados Unidos.

* Segundo o jornal britânico “The Guardian”, um homem da Califórnia chamado Brandon Gephart teve que ser levado ao hospital no meio da sessão. Parece que tudo começou durante a cena do parto de Bella que, no longa, dá à luz um vampiro. Em Utah, outro caso foi registrado, durante a mesma cena da produção.

* Alguns médicos sugeriram à rede de televisão CBS que os ataques se devem às luzes usadas nas filmagens: vermelho, branco e preto. Essas luzes podem provocar os ataques em pessoas fotossensíveis. “A luz atinge o cérebro de uma só vez. O problema é que os cinemas são muito escuros…”, fala o doutor Michael G. Chez. Tenso!

Robert Pattinson e Kristen Stewart: causando nos cinemas