30.08.2017  /  14:13

Juliana Paes sobre Bibi: “Ela provoca sentimento de torcida e de ódio”. Vem ler!

Juliana Paes no desfile da Animale || Créditos: Zé Takahashi / Agência FOTOSITE/Divulgação

Juliana Paes, capa da Revista JP de julho, brilhou como convidada da apresentação da coleção de verão 18 da Animale, que rolou na manhã desta quarta-feira na flagship da marca, nos Jardins. Glamurama falou com ela sobre Bibi, sua personagem emblemática em “A Força do Querer”, novela de Gloria Perez no ar na Rede Globo. Ao papo!

Glamurama: O que o papel da Bibi representa para a sua carreira?
Juliana Paes:
“Está sendo avassalador fazer essa personagem pra mim. Eu já sabia que ela teria um arco dramático muito interessante, mas não imaginei que a loucura fosse ser tão grande em torno da Bibi. Tá difícil andar em aeroporto, tá difícil sair na rua.. Ela provoca nas pessoas sentimento de torcida e ao mesmo tempo de ódio. Ódio porque gostariam que ela não tomasse essas atitudes. É uma personagem muito ambígua e que provoca nas pessoas também essas emoções muito contraditórias e isso é muito rico pra gente como ator, e pro público também. Esse não maniqueísmo onde não existe o bom e o mal, sabe? Existem personagens humanos, com erros e acertos. Esse acho que é o grande trunfo de Bibi e dos personagens da Gloria de maneira geral nessa novela.”

Glamurama: É o papel mais importante da sua carreira?
Juliana Paes:
“Em termos de apelo popular, sim. Está sendo um marco.”

Glamurama: Qual é o maior desafio em viver a personagem?
Juliana Paes:
“É justamente essa contradição de emoções. Ao mesmo tempo em que ela tem essa relação quase doentia com o marido [Rubinho, interpretado por Emílio Dantas], ainda gosta do Caio [Rodrigo Lombardi]. Ao mesmo tempo em que ela se deslumbra com o dinheiro e com o poder na favela, ainda diz que não perdeu a essência. Ao mesmo tempo que se deslumbra com o poder que o tráfico e que o dinheiro do tráfico está trazendo pra vida dela e do marido, ainda quer sair dali e voltar pra vidinha normal de antes. Então é tudo tão contraditório que é difícil construir as emoções dessa mulher. Mas tenho trabalhado muito focada. Praticamente não tenho saído mais de casa. É uma delícia estar aqui neste desfile, estou me divertindo, porque é do estúdio pra casa, da casa pra estúdio.”

Glamurama: Tem algo de você, Juliana, na Bibi?
Juliana Paes:
“Acho que a coragem. Nunca tive medo de desafio, de falar: ‘não sei fazer mas vou aprender.’ Sou muito destemida, como ela. Mas a nossa ética é um pouquinho diferente.” (Risos)

Glamurama: Como você anda cuidando do seu corpo?
Juliana Paes:
“Não tem dado muito tempo de cuidar do corpo não! Tenho feito uma vez por semana Xbody [musculação com elétrodos que equivale a 3 horas de treino] e uma vez por semana cardio. E é só.”

Glamurama: E na alimentação, você mudou algo?
Juliana Paes
: “Minha alimentação sempre foi normal.

Por Julia Moura