21.04.2017  /  8:26

Graças a Lily Safra, gala beneficente arrecada milhões em Londres

Lily Safra e uma imagem do centro que será erguido em Jerusalém || Créditos: Getty Images
Lily Safra e uma imagem do centro que será erguido em Jerusalém || Créditos: Getty Images

Um gala beneficente que aconteceu na última segunda-feira no Victoria & Albert Museum, em Londres, arrecadou dezenas de milhões de libras para a construção de um centro de pesquisas neurológicas dentro do campus da Universidade Hebraica, de Jerusalém. Tamanho sucesso pode ser creditado à lista de amigos poderosos de uma das anfitriãs do evento: a brasileira Lily Safra, que se divide entre Mônaco e a capital inglesa e é a presidente a Fundação Filantrópica Edmond J. Safra, até agora a entidade que doou mais dinheiro para o projeto.

Batizado The Edmond and Lily Safra Center for Brain Sciences (ELSC), em homenagem à bilionária e seu falecido marido, o centro vai custar £ 130 milhões (R$ 523,9 milhões) para ser erguido, dos quais ainda faltam levantar £ 28 milhões (R$ 112,8 milhões).

Lily e Edmond, que morreu em 1999, começaram a investir em pesquisas sobre doenças neurológicas desde que o banqueiro foi diagnosticado com o mal de Parkinson, no início dos anos 1990. Ela também é a maior doadora da fundação criada pelo ator Michael J. Fox, que sofre de Parkinson, e é dedicada exclusivamente à pesquisa pela cura da doença. (Por Anderson Antunes)