Cara Delevingn, Katy Perry, Tilda Swinton, Kristen Stewart e Pom Klementieff no desfile da Chanel || Créditos: Getty Images

Kristen Stewart, Katy Perry e Cara Delevingne roubaram a cena do desfile de alta-costura da Chanel, que aconteceu nessa terça-feira, com seus cortes de cabelo similares: fios curtinhos e platinados. Quem se juntou à tendência no mesmo evento foram as atrizes Tilda Swinton, que já registrou sua marca com os cabelos loiros e curtos, e Pom Klementieff. Coincidências à parte, o tom está em alta e não deve sair de cena tão cedo. “Nos últimos anos estamos vivendo um momento diferente em relação às loiras, o tom não sai do radar das tendências, às vezes um pouco mais quente outras vezes nos tons mais frios. Hoje temos uma segunda etapa dos platinados, o tom deixou de ser prioritário em comprimentos médios e longos e passou a permear pelos curtos e raspados, como a Cara Delevingne e a Katty Perry”, comentou o hairstylist Cristiano Torres, do Studio W Higienópolis.

Os curtinhos estão na moda, são estilosos e demandam menos tempo de cuidado diário, ideal para quem tem a vida corrida. Animou? Resta saber se o tom e o corte combinam com você: “Ao encurtar os fios, é importante levar em conta o tipo de corte que combina com seu formato de rosto, já que, dependendo do estilo, ele pode evidenciar detalhes que você não quer”, aconselha o hairstylist Cesar Almeida.

“Rostos mais compridos como o de Katy Perry ficam bem com cortes curtos, que mantenham as laterais mais longas e franja na altura da sobrancelha. O formato redondo requer um trabalho em camadas e laterais mais compridas e sem volume, ideal para afiná-lo. O topete é permitido, porém não recomenda-se franja”, salienta Almeida.

Rostos quadrados exigem cautela. “O corte deve seguir uma linha reta, pontas arredondadas e sem volume, para suavizar os traços”, orienta. O rosto oval é o mais democrático, inclusive, para o estilo ‘Joãozinho’. Almeida ainda chama atenção para o rosto em formato de triângulo invertido ou coração, que é aquele estreito no queixo e mais largo na testa. “Esse rosto combina perfeitamente com o Chanel, pois o corte vai equilibrar todas as suas linhas”.

O platinado, em especial, pode sofrer altura de tons para cada tipo de pele sem descaracterizar o descolorido.
Por aqui, Julia Lemmertz entrou na onda do cabelo mais cobiçado e reproduzido em Hollywood, e apareceu platinada e misteriosa na première carioca de “Soundtrack”, no cinema do Shopping Leblon, com um tom mais amarelado. “O principal cuidado é identificar qual melhor tom para você, o loiro é um serviço personalizado que deve combinar com a pele para criar uma harmonia”, completa Cristiano, que já avisa que os fios precisam de muitos cuidados além do retoque frequente, e manutenção em casa com linhas de tratamentos reconstrutoras e nutritivas. O ideal é fazer um tratamento de 20 em 20 dias no salão com seu profissional. Outro ponto importante é evitar exposição do cabelo ao Sol e sempre usar um protetor térmico e de raios UVA e UVB. Piscina também é inimiga do cabelo platinado.

Douglas Dias, profissional do Studio W e embaixador da Wella, indica o tratamento Oil Reflections à base de óleos preciosos que blinda e nutre a fibra do cabelo, deixando os fios brilhosos e toque macio. A dica para intensificar os resultados é usar o óleo como pré-tratamento e a ampola antes da máscara, para garantir ainda mais luminosidade.

Créditos: Divulgação
“Oil Reflections” da Wella || Créditos: Divulgação