12.09.2017  /  10:56

A saga de Tommy Hilfiger para se desfazer de penthouse no Plaza Hotel continua…

A penthouse de Tommy Hilfiger no Plaza Hotel, em Nova York || Créditos: Getty Images/Reprodução

A saga de Tommy Hilfiger e de sua mulher, Dee Ocleppo Hilfiger, para se desfazer de uma penthouse no Plaza Hotel, em Nova York, continua! Tudo começou quando ele comprou o pied-à-terre em 2008 por US$ 25 milhões (R$ 77,9 milhões) e tentou vendê-lo no mesmo ano por US$ 50 milhões (R$ 155,8 milhões), ainda no auge da recessão econômica dos Estados Unidos. Como não vendeu, tirou o imóvel por alguns anos do mercado e, depois de algumas reformas, o recolocou à venda em 2013 por US$ 80 milhões (R$ 249,3 milhões). Mas nada…

O negócio então foi baixar o preço e em abril deste ano o apê voltou ao mercado por US$ 58,9 milhões (R$ 183,97 milhões). Cinco meses se passaram e a ansiedade para se desfazer do imóvel é tanta que o casal baixou o preço de novo: US$ 50 milhões (R$156,18 milhões). Adiantou? Não!

Bom, a quem interessar possa, a venda da penthouse está sob os cuidados da Sotheby’s International Realty, imobiliária da Sotheby’s. Em tempo: o patrimônio dos Hilfigers conta ainda com casas em Greenwich, Connecticut, Palm Beach e Mustique, além de uma mansão no bairro Golden Bieach, em Miami, à venda desde fevereiro por US$ 27,5 milhões. Para dar um giro pela penthouse dos Hilfiger no Plaza, siga a seta!